Biotina: O que é e como ela age no cabelo?

Biotina: O que é e como ela age no cabelo?

Biotina é uma importante vitamina do complexo B, também conhecida como vitamina B7, vitamina H ou coenzima R. Essa substância é fundamental para o funcionamento das células do organismo humano e para os processos metabólicos de gorduras, carboidratos e proteínas, o que gera energia para o corpo. Outra função da biotina é produzir ácidos que agem a fim de manter os cabelos, a pele e as unhas saudáveis e fortes.

Neste post, você confere os benefícios da biotina e entende como ela age no seu cabelo!

[Ocultar]

1 Principais benefícios da biotina
2 Quais os benefícios oferecidos aos cabelos?
3 Como a biotina é absorvida pelo organismo?
4 A biotina está presente em quais alimentos?
Principais benefícios da biotina
Apesar de ter uma grande influência no funcionamento de todo o organismo, contribuindo para a perda de peso e ajudando no ganho de massa muscular, por exemplo, a biotina está diretamente relacionada às unhas, à pele e ao seu cabelo.

Quando se trata da pele, essa substância ajuda no metabolismo de macronutrientes, contribuindo para a hidratação. Já em relação às unhas e ao cabelo, a biotina está associada à produção de queratina, uma importante proteína presente em suas estruturas.

Leia também: Biotina

Quais os benefícios oferecidos aos cabelos?
Quando se trata dos cabelos, a biotina oferece diversos benefícios. Alguns deles são o fortalecimento e rejuvenescimento da estrutura e aparência dos fios, a diminuição da queda de cabelo, o estímulo a um crescimento saudável, a prevenção de cabelos brancos e a recuperação da espessura dos fios.

Apesar de a calvície ser uma disfunção de origem genética e a biotina não fazer o cabelo crescer, quem sofre com a alopecia androgenética também é beneficiado por essa vitamina, visto que ela atua no fortalecimento dos fios e inibe a queda.

Como a biotina é absorvida pelo organismo?
A biotina é uma vitamina hidrossolúvel, ou seja, é absorvida pelo intestino e transportada ao restante do organismo por meio da circulação sanguínea. Após esse processo, o excesso dessa substância é eliminado junto com a urina, e o corpo não é capaz de armazená-la. Diante disso, faz-se necessária a ingestão diária de biotina por meio da alimentação ou suplementação alimentar indicada por um médico especialista.

Por estar muito presente na alimentação, a deficiência de biotina é algo muito incomum, mas é importante prestar atenção aos sinais. Cabelos e unhas fracas, pele seca e com vermelhidão em volta do nariz e da boca podem ser indicativos de que os níveis de biotina no seu organismo estão desequilibrados.

A biotina está presente em quais alimentos?
Alguns dos alimentos que contêm biotina são: leite e seus derivados, gema do ovo, cebola, tomate, carne vermelha, amendoim, cenoura, alface, frutas, sementes, peixes, soja e espinafre.

Também é possível encontrar a vitamina em algumas farmácias, mas seu uso só deve ser feito com a indicação de um médico, afinal, uma alimentação balanceada é suficiente para fornecer a você todas as vitaminas e nutrientes de que precisa.

Além dos cuidados com a alimentação, é importante sempre realizar o acompanhamento com um especialista, principalmente se a sua queda de cabelo for persistente.

Na Clínica do Dr. Fabrício, você realiza o acompanhamento completo com uma equipe altamente especializada. Aqui você faz os melhores tratamentos para queda de cabelo e calvície, seja por meio de medicamentos, seja com um implante capilar. Faça a sua avaliação online e agende uma consulta!

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *